Est. June 12th 2009 / Desde 12 de Junho de 2009

A daily stopover, where Time is written. A blog of Todo o Tempo do Mundo © / All a World on Time © universe. Apeadeiro onde o Tempo se escreve, diariamente. Um blog do universo Todo o Tempo do Mundo © All a World on Time ©)

terça-feira, 25 de julho de 2017

Meditações - velocidade do Conhecimento

According to Buckminster Fuller’s “Knowledge Doubling Curve,” human knowledge doubled approximately every century. Today, it is estimated that human knowledge is doubling every 12 to 13 months. IBM is estimating that with the build-out of the “Internet of Things,” knowledge will double every 12 hours.

Luxury Daily

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Janela para o passado - Escola de Corte e Bordados, 1950

Há 65 anos - relógios Zoty e Omega


Há 65 anos - Verão de 1952, Fonte da Telha, Luísa e José. Com relógios suíços Zoty e Omega, respectivamente, no pulso.



Os relógios, na actualidade (Espólio Fernando Correia de Oliveira)

Memorabilia - chocolates relógios Glashütte Original, Baselworld 2017

Chegado(s) ao mercado - relógios Vostok Europe, nova colecção, Energia



Vostok Europe, nova colecção, Energia. Cada versão limitada a 3 mil exemplares, Todos estanques até 300 metros. Calibre automático, coim data. Caixa de 48 mm, de aço, aço revestido a PVD, titânio e bronze, sempre com  válvula de hélio. Vidro de safira na fvrente e nio verso. Coroa de enroscar. Diferentes cores de mostradores

Para a iluminação do mostrador no escuro, a Vostok Europe recorreu a tubos de trítio, os quais brilham de forma intensa e permanente, sem necessidade de serem antecipadamente expostos à luz. No total foram usados 18 tubos: 13 montados em refletores para os índices (um para cada posição horária e dois para a posição das 12h00), quatro para os ponteiros (dois deles para o das horas) e um último montado na luneta, às 12h00 dentro de uma cápsula de safira.

Os relógios são vendidos numa “dry box” protetora. Mas, para os Energia, a marca voltou a elevar a fasquia e inclui agora uma caixa XXL especial, que além de guardar o relógio, as braceletes (cada modelo é vendido com uma bracelete de pele e outra de silicone) e a ferramenta para a sua substituição, pode fazer o mesmo para um total de 4 relógios e respetivas braceletes adicionais.

A gama Vostok Europe Energia está já disponível em Portugal através dos pontos de venda autorizados da Sociedade de Relojoaria Independente. Os preços vão dos 739€ aos  839€






























Quando os relógios Vacheron Constantin são notícia no Relógios & Canetas online


Descarregue todas as edições do Relógios & Canetas online. Aqui, aqui ou aqui.

Meditações - rodas desafinadas

Relógio sem precisão
batendo as horas erradas
carece de afinação
da suas rodas dentadas!

João de Castro Nunes

domingo, 23 de julho de 2017

Memorabilia - jóias Carlton, Baselworld 2017

Relógios, venda por catálogo, Califórnia, EUA, anos 1970


(arquivo Fernando Correia de Oliveira, doação Germano Silva)

Tempo de festa - os 70 anos do Luís Pinheiro de Almeida


Luís Pinheiro de Almeida comemorou este fim-de-semana na casa de família, no Passal, Oliveira de Frades, o 70º aniversário. Liga-nos ao LPA uma amizade de mais de 40 anos, cimentada por um percurso comum de jornalismo nas ANI, ANOP, NP e LUSA. São poucos os que fizeram o pleno das agências noticiosas em Portugal. Longa vida, Luís! (e um bem-haja extensivo ao casal Celina e João Pinheiro de Almeida, que mais uma vez foram os mestres de cerimónia e grandes anfitriões).

Um portefólio de uma festa animada, muito animada:



(foto Teresa Lage)


(foto Manuel Moura)




(foto Manuel Moura)





















(foto Manuel Moura)



































































Nesta ida ao Passal, ficámos em Casal de Sejães, num turismo de habitação com vista para o Vouga, propriedade da Dona Luciana (sim, a do restaurante famoso pelo seu bacalhau... que aliás experimentámos no almoço de sexta-feira).





O Vacheron esteve nas suas sete quintas, tanto aqui como na festa do Passal.






(foto Manuel Moura)






Em cima e em baixo, fotos Frederico Pinheiro de Almeida